Viajar pelo mundo: como realizar este sonho em 5 passos

Trabalho, família, concurso público, casa própria, férias na praia, carro, poupança e muitas outras coisas que todos se preocupam diariamente. São formas de viver para quem não tem muitas opções; mas quem dita as opções que cada um tem? Estamos tão preocupados em sobreviver que esquecemos de viver realmente. Seguimos os padrões mesmo sem perceber. Você acha que está vivendo assim, nadando a favor da corrente por segurança? Ou simplesmente acha que não há muitas alternativas viáveis ao seu estilo de vida?

Bom, as oportunidades e opções, somos nós mesmos que definimos. Você pode ir onde quiser, basta se mover que e as coisas acontecem. Pense nisso: A vida é curta demais para nos preocuparmos em ter coisas, ser como outras pessoas e não desenvolver uma consciência baseada no que acreditamos e gostamos de verdade. O primeiro passo é acreditar; verá que nada é impossível e para tudo há um jeito! Por exemplo, dar a volta pelo mundo parece algo distante, só para ricos e para quem não precisa trabalhar todo dia?! Calma, se você tem esse sonho, mas não vê chance de realiza-lo, vamos citar aqui algumas dicas que mudarão sua forma de pensar. Hoje mesmo você vai começar  correr atrás do seu objetivo!

  1. Liberdade

Para começar a viver de verdade, você precisa de liberdade plena. Você pode ter um emprego fixo, família grande e se considerar uma pessoa livre. Mas a liberdade plena é aquela que não existe um dono do seu tempo. Você decide o que fazer e quando fazer. Trabalho autônomo parece algo inconstante, mas se fizer certo, poderá lucrar mais, ter tempo para seus projetos pessoais, além de poder trabalhar exatamente com o que você se identifica.  Dependendo do seu ramo, será possível trabalhar também durante a viagem. Se seu atual emprego não oferece férias suficiente para dar a volta ao mundo, leia nossos outros posts sobre autonomia: Como ter autonomia financeira  , Como criar um negócio do zero

  1. Planejamento

Se você quer realizar o seu sonho e só acumular experiências positivas, prepare-se e pesquise bastante. Leia tudo que for possível sobre o assunto, assim, a ideia será mais real e seus esforços mais decididos. Dê corpo ao seu sonho. Defina se irá sozinho, quanto está disposto a gastar, prazos, etc. feito isso, passe para o próximo passo. Leia também: Mochileiros de primeira viagem

  1. Roteiro

Você pode pesquisar um roteiro que deu certo ou criar o seu próprio. Também poderá comprar uma passagem de volta ao mundo, que algumas companhias aéreas oferecem, mas estará totalmente engessado e, provavelmente, não terá só alegrias. Se você quer algo inesquecível, pegue um mapa e defina todos os países que quer conhecer. Anote as cidades e aeroportos para servir de referência durante o trajeto. Tenha esse roteiro como um guia e esteja aberto para eventuais mudanças.

  1. Pesquisa

Feito o roteiro, pesquise tudo sobre cada país e os pontos que vão passar. Verifique questões referentes à vistos, vacinas, moeda, seguro de saúde, hospedagens, locomoção, clima e tudo que achar importante. Aproveite as dicas deste post para encontrar preços mais em conta: Porque você deve viajar para a Europa

  1. Bagagem

Não comece a fazer a mala ainda. Você não vai precisar de nada disso que acha que precisa. As coisas que não podem faltar são:

  • Passaporte
  • Documentos pessoais
  • Dinheiro
  • Câmera
  • Produtos de higiene pessoal básica
  • Remédios
  • Roupa que couber na sua mochila

Isso mesmo! “mochila”, ou você pretende rodar o mundo puxando uma mala pesada? leve apenas a bagagem de mão, ok?! Outra dica essencial para conseguir dispensar excesso de bagagem, é fazer o roteiro conforme as estações de cada país. As roupas de verão são, obviamente, mais leves do que as de frio.

  1. Dinheiro

Uma viagem assim é um investimento. Você conhecerá inúmeras culturas, costumes e vai acumular histórias únicas. Veja quanto você tem, quanto terá que gastar aproximadamente e, se for o caso, veja a solução. Para a proporção da aventura, um empréstimo ou venda do carro, por exemplo, valeria a pena.  Analise as suas prioridades e não tenha medo de viver o hoje. Se seguir nossas dicas, saberá o que fazer para gastar menos e ter experiências incríveis. Verá viajar pelo mundo não é algo tão caro quanto aparenta.

  • Comece a economizar hoje. Gaste somente o necessário, tenha foco no seu objetivo e tudo valerá a pena depois.
  • Faça tudo para a viagem, desde a escolha da companhia aérea até a hospedagem.
  • Não tenha luxos aqui e nem durante a viagem.
  • Faça o estilo mochileiro e não se incomode com as estrelas dos hotéis. Pousadas e outros pontos alternativos são tão confortáveis quanto os que sua companhia irá indicar.
  • Conheça o Voopter! Ele é um metabuscador de passagens aéreas que tem uma ferramenta para você cadastrar um alerta para receber avisos de passagens mais baratas.
  • Hospede-se em hostels. Você pode pesquisar no Hostel World e se decidir.
  • Procure locais mais em conta para comer, use o transporte público e caminhe quando as distancias possibilitarem.
  • Tenha um orçamento geral, um para cada país e um com a estimativa diária. Se estiver com tudo estipulado, será mais fácil e deixará sua mente livre para aproveitar cada canto.

Dicas extras

  • Seguro de viagem: Todos os países que assinam o Acordo de Schengen solicitam a comprovação de contratação de seguro de viagem na entrada, então, por esse e por outros motivos é bom ter.
  • Visto: Em geral os vistos são válidos por três meses após a emissão. Obviamente você não conseguirá ir com todos daqui, então, veja a possibilidade de solicitá-lo em embaixadas e consulados do país vizinho. Em alguns países, na fronteira mesmo você pode conseguir.
  • Vacinas: Veja nessa lista da Organização Mundial de Saúde.
  • Leia também: Vida de mochileiro  e 4 app para ajudar nas viagens
  • Faça uma excelente viagem!

Faltou algo em nossa lista que você gostaria de acrescentar? Ficou com dúvida sobre algum passo? Não deixe de aproveitar o espaço para comentários e compartilhe suas experiências e dúvidas com a gente!